HERITAGE
TRAVEL

Início

Capadócia
Sítios a visitar na Capadócia
na Capadócia (Privadas)
em Balão de Ar Quente
Excursões a cavalo
 
Excursões a pé
Safari fotográfico
Safari em Jipe
Excursões em Moto-Quatro
Dervishes Rodopiantes
Espetáculos de Noite Turca
Banhos Turcos (Hamam)
Curso de Cozinha Turca
Curso de Dança do Ventre

Guia de Istambul
Excursões em Istambul
Excursão pela Herança Judaica em Istambul
Cruzeiro no Bósforo
Cruzeiro com jantar no Bósforo

Guia da Turquia
Istambul-Capadócia-Éfeso
Excursão ao Oeste da Turquia
Excursão ao Centro da Turquia
Excursão ao Este da Turquia
Excursões na Turquia feitas à medida
Excursoes De Cozinha Turca
Excursão pela tecelagem Kilim
Excursão a Éfeso
Excursão a Pamukkale
Gallipolli, Troy, Pergamon Tours
Cruzeiros De Luxo
Antalya Tour
Excursão a Nemrut

Reserva de Hotel
Hotéis na Capadócia
Hotéis em Istambul
Hotéis em Selcuk
Hotéis em Pamukkale

Casar na Capadócia

Serviço Rent-a-Car

Bilhetes de avião
Transfers para o aeroporto

News and Announcements

Galeria de Fotos

Turkish Heritage Travel
Frequently Asked Questions
Testemunhos
Contacte-nos
Política de Privacidade
Mapa do Sítio

Links

Para Espanol
Para Ingles


ISTANBUL

Istambul é a única cidade do mundo localizada em dois continentes – Europa e Ásia. Durante os seus 25.000 anos de história foi a capital dosImpérios Romano, Bizantino e Otomano. Istambul tem vários sítios e monumentos para ver. Muitos dos pontos de destaque, como o Palácio de Topkapi, Santa Sofia, Mesquita Azul (Sultanahmet Camii) e oHipódromo estão na zona do Sultanahmet (Velha Istambul), tal como estão muitos dos melhores hotéis de Istambul.

A Velha Istambul
 é uma das primeiras zonas da Turquia, juntamente com a Capadócia, a ser incluída na lista do Património da Humanidade da UNESCO.

Santa Sofia (Hagia Sophia)

A Basílica de Santa Sofia foi construída pelo Imperador Romano Justiniano em 537 DC. Foi a maior igreja da Cristandade durante 1000 anos. A sua imensa abóbada eleva-se 60 m acima do solo e o seu diâmetro tem mais de 30 m. Os mosaicos que cobrem as suas paredes estão entre as obras de arte mais importantes da era bizantina que sobreviveram até hoje.

Grandes edifícios redondos foram cobertos com abóbadas diversas vezes ao longo da história, com sucesso, mas Santa Sofia tem um plano retangular. Foi a primeira vez na história que se cobriu uma estrutura retangular com uma grande abóbada. A abóbada caiu e foi reparada muitas vezes.

Os otomanos converteram a basílica numa mesquita no século 15, depois da conquista de Istambul. Reconhecendo a sua importância histórica universal, o Governo Turco transformou-a num museu em 1935.


Mesquita Azul (Sultanahmet Camii)
A Mesquita Sultanahmet é o monumento mais famosa, tanto no mundo turco como no islâmico.Foi construída no estiloarquitetónico clássico turco entre1609 e 1616 pelo arquiteto Mehmet.

O edifício é mais conhecido por Mesquita Azul devido ao seu magnífico interior com mais de 20.000 azulejos Iznik azuis e brancos.

O interior é um espaço único imenso para onde entra a luz proveniente de 260 janelas. A abóbada tem 42 m de altura e é suportada por 4 enormes pilares circulares com 4 m de diâmetro, conhecidos como as patas de elefante. Como está localizada em frente a Santa Sofia, foi desenhada para ser tão grande e magnífica como aquele edifício bizantino.


Palácio Topkapi

O Palácio Topkapi é, certamente, o monumento histórico mais importante de Istambul. É um dos museus mais visitados da Europa e o mais visitado da Turquia. O Palácio serviu como centro administrativo do Império Otomano durante quase 400 anos, entre os séculos 15 e 19. O principal do edifício foi acabado em 1478, sendo depois alterado e aumentado sucessivamente pelos vários sultões. O Palácio foi abandonado em 1855 quando o Sultão Abdülmecit I, 31º Sultão do Império Otomano, se mudou para o novo Palácio de Dolmabahce. Em 1924 foi transformado em museu sob as ordens de Ataturk.

O Palácio é um complexo de edifícios sobre uma das sete colinas de Istambul. Consiste em pátios, com diferentes propósitos, que estão separados uns dos outros por portões monumentais. Pavilhões, cada um usado para um diferente fim, rodeiam estes pátios. A área total é duas vezes maior que o Vaticano e metade do tamanho do Mónaco.

Além de ser a residência oficial do Sultão, o Palácio serviu de sede do governo. Também albergou o tesouro do Estado e os arquivos nacionais. A Casa da Moeda, assim como a mais elevada instituição educacional estavam no Palácio.

Em exibição estão as coleções imperiais de cristal, prata e porcelana chinesa, vestes imperiais feitas à mão usadas pelos sultões e suas famílias, as jóias do tesouro, a coleção de relógios mais rica do mundo, as relíquias sagradas do Islão, incluindo as espadas, o arco e o manto de Maomé, coleções de miniaturas e outros objetos sem preço. Um dos maiores diamantes do mundo, o Diamante Spoonseller, está em exposição num mostruário especial. Os quartos estão magnificamente decorados e cobertos de azulejos.


Palácio Dolmabahce
O Palácio Dolmabahce, construído em meados do século 19 pelo Sultão Abdülmecit I, estende-se por 600 m ao longo da margem europeia do Bósforo. O palácio sobreviveu intacto com as suas decorações originais, mobília, tapetes de seda, cortinas e tudo o resto. Diz-se que 14 toneladas de ouro e 40 toneladas de prata foram usadas na decoração do palácio.

O Palácio Dolmabahce tem 285 quartos, 43 salões e 6 casas de banho. As suas paredes e tetos estão cobertos de quadros de artistas famosos da época. Objetos de arte raros feitos à mão vindos da Europa e do oriente decoram cada quarto. O salão de baile é o maior do seu género em todo o mundo. Um candeeiro de cristal gigante, de 4,5 toneladas com 750 lâmpadas, decora a abóbada de 36 m de altura. O soalho, de parquet de excelente qualidade, está revestido por tapetes de seda de elevada qualidade, feitos à mão na Fábrica imperial de Hereke.

Ataturk costumava ficar neste palácio quando visitava Istambul. Quando faleceu em1938, todos os relógios do palácio foram parados na hora da sua morte, 09.05h, em sua memória.

Hoje um museu, o palácio está aberto apenas em certos dias da semana e é um dos sítios históricos de Istambul a não perder.


Museu Kariye (Igreja Chora)
Depois de Santa Sofia, o Museu Kariye é o monumento bizantino mais importante de Istambul. O edifício foi construído em finais do século 11 e dedicado a Cristo O Salvador. Depois da conquista turca a igreja manteve-se deserta durante algum tempo e em 1511 foi transformada em mesquita com a adição de um minarete. Tornou-se um museu em 1948 e os seus frescos foram limpos e restaurados pelo Instituto Americano de Investigação Bizantina.

As paredes estão decoradas com mosaicos do século 14, ilustrando cenas da vida de Cristo e da Virgem Maria. São das melhores obras de arte cristãs do mundo. Quadros, pedras e desenhos arquitetónicos vistos em segundo plano fazem com que as pinturas pareçam tridimensionais. Cada pintura tem uma pequena explicação a seu lado.


Yerebatan Sarnici (A Cisterna Subterrânea)

A Cisterna Subterrânea é um dos edifícios mais impressionantes de Istambul. A estrutura era conhecida em Bizâncio como a Cisterna da Basílica porque está debaixo da Basílica Stoa, a grande praça pública na Primeira Colina. Foi construída por Justiniano I depois da sangrenta Revolta Nika em 532, provavelmente como aumento de uma cisterna anterior construída por Constantino O Grande.

Durante o Período Bizantino foi usada como reservatório de água para o Grande Palácio e outros edifícios na Primeira Colina. Durante o Período Otomano, a água foi usada para o Palácio de Topkapi e para regar os seus jardins. Contudo, a cisterna conheceu o seu apogeu durante o Período Bizantino.

O seu interior é magnífico: tem 139 m de comprimento por 64 m de largura e 336 colunas. Muitas das colunas capitais são de estilo coríntio ou dórico. Num canto da cisterna há duas cabeças de Medusa de cabeça para baixo e de lado. Foram retiradas de um antigo sítio pagão, mas complementam muito bem os pilares e dão um toque diferente ao edifício.


O Bósforo

O Bósforo, também conhecido como o Estreito de Istambul (em turco: Bogaz ou Bogazici) é um estreito que forma a fronteira entre a parte europeia (Rumelia) da Turquia e a parte asiática (Anatólia).

O nome Bósforo vem da mitologia grega. Zeus teve um romance com uma linda mulher cujo nome era Io. Quando Hera, a sua esposa, descobriu a infidelidade transformou Io numa vaca e criou um moscardo para a picar no traseiro. Para fugir ao moscardo, Io saltou através do estreito. Assim temos Bos = vaca e foro = zona de travessia, o que dá Bósforo = "zona de travessia da vaca".

É o estreito mais Delgado do mundo, utilizado para navegação internacional. Liga o Mar Negro ao Mar de Mármara, que está ligado pelo Dardanelles ao Mar Egeu, e daí ao Mar Mediterrâneo. Tem cerca de 30 km de comprimento e uma largura que varia entre os 700 e os 3.700 m. A sua profundidade varia entre os 36 e os 124 m.

As margens do estreito estão densamente povoadas já que a cidade de Istambul tem cerca de 12 milhões de habitantes.

 Duas pontes atravessam o Bósforo: a Ponte Bósforo e a Ponte Fatih Sultan Mehmet (Bósforo II).


O Hipódromo
A vasta área coberta pelo Hipódromo está entre Santa Sofia e a Mesquita Azul. Também é conhecida por At Meydani ou praça dos cavalos, já que depois da conquista de Constantinopla era usada sobretudo para corridas de cavalos.

Foi construído em 203 DC por Septimus Severus. Foi aumentado e embelezado por Constantino em 325 à imagem do Circus Maximus de Roma. 100.000 espetadores podiam juntar-se ali em 40 filas de bancos. Os atletas eram divididos em 4 fações: os Azuis, os Verdes, os Vermelhos e os Brancos. O camarote do Imperador, decorado com 4 cavalos de bronze que estão agora em Veneza, encontrava-se na fachada norte. O Hipódromo resplandecia com estátuas, obeliscos e troféus de vários países.

Agora apenas restam 3 monumentos: o Obelisco de Teodósio, a Coluna Serpentina e o Obelisco de Constantino, mais conhecido pelo obelisco murado.


O Grande Bazar (Kapali Carsi)
O grande bazar coberto de Istambul, o Kapali Carsi não é apenas um complexo de edifícios, mas uma verdadeira cidade coberta por abóbadas, com ruas, pequenas praças rodeadas de pórticos, dezoito entradas, 5 mesquitas e 6 fontes. Os 200.000 m2 de área fazem do Grande Bazar um dos maiores mercados do mundo. Nos tempos bizantinos os vendedores já se estabeleciam ali. Depois, em 1461, Mehmet II O Conquistador construiu o primeiro bazar coberto do mundo, que foi destruído pelo fogo mais de uma vez até que foi reconstruído em pedra.

É um nunca acabar de lojas coloridas e ruidosas, cheias de vida e luz. Podem ser comprados aqui os típicos souvenirs turcos: jóias, casacos de couro, chávenas de café e tapetes suaves.

Please visit our Istanbul Tours page or
send us an email (portuguese@goreme.com) for further information.

Turkish Heritage Travel is a member of Aydinli Mah. Yavuz Sok. No:1 50180 Goreme, Nevsehir, TURKEY
All rights reserved © 2004 - 2013 Phone: +90 384 271 2687        Fax: +90 384 271 2699        Send us an email